Ter uma boa relva é o objetivo de todos os que têm um relvado, em casa ou num parque público ou num campo desportivo. 

Os benefícios de ter uma relva boa e saudável são inúmeros — vai rapidamente  descobrir que não apenas é um fenómeno visual, mas também tem outras virtudes e consequências que se calhar nem imaginava. 

relva
relva

Não é por acaso que, em redor de qualquer edifício, seja ele um edifício do Estado ou um prédio de apartamentos, hospitais, igrejas, castelos, escolas ou casas comuns e até de fábricas, uma das principais preocupações dos arquitetos são os espaços verdes que cercam esses edifícios.  Como é comprovado, uma paisagem verde também afeta o humor e o caráter das pessoas, juntamente com outras características, como o desenvolver sentimentos de serenidade e o transportar para o morador da cidade para um ambiente rural, mesmo que por pouco tempo. Quem não gosta nem sonha, sentado num escritório no trabalho ou na sua sala de estar a olhar pela janela e ver uma paisagem verde pontilhada com um ambiente natural multicolorido? 

Há outras razões também, mais de natureza técnica, como é o poder de resfriamento que tem uma relva na crosta terrestre que é muito mais poderosa do que o poder de refrigeração de aparelhos de ar condicionado comuns. Esse resfriamento faz com que a relva também ajude a evitar a erosão da camada superficial do solo. Imagine se, no futuro, pudéssemos armazenar essa refrigeração natural e distribuí-lo pela nossa casa? Como poderia ajudar a cuidar mais do nosso planeta para as gerações futuras! 

Como acontece sempre, existem defensores e detratores, os últimos chamados conservacionistas, com opiniões respeitáveis, argumentam que, como nada na vida é grátis, devemos analisar a relva como um consumidor caro de recursos naturais. Ao mesmo tempo, os defensores também têm opiniões válidas, dizendo que é um fornecedor natural do nosso ecossistema. 

Rapidamente podemos encontrar outras características na relva saudável e facilmente demonstráveis, como por exemplo: 

A relva densa e saudável opera no meio ambiente como o principal absorvente de chuvas, mais do que qualquer campo semeado, e ajuda a manter os níveis de fósforo nos nossos rios e ribeiros, um nutriente muito importante para o desenvolvimento de qualquer plano.  

 Uma relva saudável também ajuda a conter grande parte da poeira e detritos de qualquer área. 

Uma das consequências mais importantes e às vezes desconhecidas de se ter um relvado saudável também é auxiliar na purificação das águas subterrâneas pelas raízes, que são filtros genuínos. 

Se pudéssemos ver a operação de um filtro de água comum na nossa casa, poderíamos entender perfeitamente a ação das raízes da relva como filtrar a água. Esses filtros, o que fazem é degradar poluentes que também estão ‘presos’ à água. Isto é o que as raízes fazem de forma natural. 

Sem dúvida, uma relva saudável e vibrante, como mencionado acima, também aumenta o valor da casa no mercado imobiliário. Durante muito tempo, era mencionado que um jardim adequado e bem conservado, incluindo a relva, acrescenta um mínimo de 15% ao valor da casa. 

grama-bahia
grama-bahia

Entre as características que não podem ser negadas, está o facto de que pode funcionar como retardador ou ajudar o fogo ao redor de um edifício a não se espalhar, ou ajudar a absorver algum ruído.  

Também pode reduzir a poluição do ar absorvendo dióxido de carbono e dióxido de enxofre, além de manter saudáveis hortas domésticas, que podem ajudar a reduzir pragas incómodas de insetos, ao mesmo tempo em que proporciona um local de diversão e entretenimento familiar.  

Em conclusão, ter um belo jardim na sua casa não apenas melhora a qualidade de vida como vimos acima, mas também melhora o valor da sua casa e ajuda a filtrar ecologicamente a água e o ar que passam por ela.  

Todos concordam com isto.     

Mas estes benefícios têm um custo associado. Nada é gratuito e, portanto, existem alguns esforços a fazer, que não devem ser vistos como uma desvantagem de se ter um bom relvado, mas, pelo contrário, será sempre benéfico de todos os modos. 

Um relvado saudável é aquele com um bom sistema radicular que se desenvolve através do corte da relva na altura e frequência certas. Se fizermos isso na altura errada, se cortarmos a relva a uma altura insuficiente, será uma experiência ruim e também será frustrante por não podermos ver a relva da melhor forma: um verde brilhante.  

Para ficar ótimo, um relvado precisa de um bom equilíbrio de produtos químicos para sobreviver. Todas as gramíneas têm uma grande exigência por certos elementos químicos, como o nitrogénio, para manter a forma. Sem aplicações regulares e oportunas de fertilizantes adequadamente equilibrados, contendo micronutrientes especiais, o relvado perde a sua vitalidade e reduz a sua capacidade de resistir a ataques de doenças e insetos. 

herbicidas

Os pesticidas (geralmente usados para matar ou repelir pragas de todos os tipos, incluindo insetos) são provavelmente a maior desvantagem de possuir um relvado de alta qualidade. Os pesticidas podem ser prejudiciais para todos e deve-se tomar extremo cuidado no seu uso. Recomendamos usar em pequenas doses e somente quando estritamente necessário. 

Tenha em atenção que a maioria dos insetos é benéfica para o nosso ecossistema e não representa uma ameaça para o relvado, sendo que isso é difícil de aceitar para muitos proprietários, que não aceitam todo o circuito do nosso ecossistema. 

Também deve ter muito cuidado se os inseticidas forem usados e não forem armazenados adequadamente. Todos os pesticidas podem prejudicá-lo/a, aos seus filhos e aos seus animais de estimação. 

Herbicidas (geralmente para matar certos tipos de plantas, como ervas daninhas) também são desvantajosos. Os proprietários também querem exterminar o mais cedo possível qualquer sinal de ervas daninhas, mas  muitas vezes estas podem ser removidas da maneira mais natural possível, podem ser removidas manualmente sem usar produtos químicos, ou simplesmente, deixa-las estar.  

Também é preferível o tratamento localizado de ervas daninhas e é melhor que as ervas invasoras sejam monitorizadas anualmente antes de se tornarem um grande problema, caro e demorado para corrigir. No caso de herbicidas e pesticidas, a taxa de aplicação também é importante. Os proprietários costumam aplicar pesticidas em excesso e os resultados podem ser devastadores. 

¡Partilhe este artigo!